gostosinhas

cozinha light e feliz

Pizza caseira

assinaturaDanielaEu nunca tinha pensando em fazer massa de pizza em casa. Me parecia profissional demais. Até o dia em que eu esbarrei no simpático moço do Receitas em 15 segundos. Aquele perfil é muito genial, gente. Não deixem de seguir. Ele faz vídeos no Instagram ensinando rapidinho o passo a passo de receitas. E quando eu vi com meus próprios olhos o quanto é fácil fazer pizza, eu resolvi dar uma chance. Veja aqui

No início, eu pretendia seguir a receita dele. Mas a consciência pesou e eu resolvei fazer uma versão com farinha integral. Acabei juntando outras dicas de outros lugares e aí está uma receita de pizza criada a muitas mãos.

Escolha uma trilha sonora aí e vem pra cozinha!

Ingredientes
1 copo (240ml) de água
2 colheres (sopa) de cachaça
2 colheres (sopa) de azeite
1/2 colher (chá) de sal
1 copo (240ml) de farinha de trigo integral
2 copos de farinha de trigo comum
1 1/2 colher (chá) de fermento biológico seco

Para a cobertura:
1/2 xícara de molho de tomate
8 fatias de mussarela
4 fatias de presunto (ou peito de peru)
azeitonas pretas

Eu usei a minha máquina de pão, mas você pode fazer no muque mesmo. Para usar a máquina de pão, junte os ingredientes da massa na ordem que eu escrevi acima e escolha o ciclo “amassar”. A máquina sova e deixa descansando. Leva uma hora e meia e vai apitar para te avisar.

Se você vai fazer à mão, basta misturar tudo e sovar, sovar, sovar. Trabalhe bem os músculos do braço, viu? Depois, deixe descansando em um lugar quentinho e protegido por uns 40 minutos. A massa vai dobrar de tamanho.

Chegando nesse ponto, o restante é igual para quem fez na máquina ou à mão. Enfarinhe a mesa e separe a massa em duas partes (pois rende dois discos médio de pizza). Faça uma bola com cada metade e vá esticando com as mãos para deixar a massa mais espalhada, porém, redonda. Use o rolo de macarrão para esticar bem. Deixe bem fininha, se preferir. Eu gosto de massa mais grossinha, deixei um centrímetro.

Estique sobre uma forma previamente untada e enfarinhada (isso é importante, viu? senão gruda mesmo). Eu usei ainda papel manteiga pra garantir sujar o mínimo possível. Vai sobrar massa para fora da forma, vc dobra ela bonitinha pra fazer a borda (minha parte preferida). Olha, se não ficar muito certinha e redondinha, relaxa. Finge que foi de propósito para dar uma cara mais “rústica”e “artesanal”.

Depois disso, leve no forno para pré assar por 10 minutos em fogo médio. Só pra dourar mesmo. Na próxima vez, acho que nem vou fazer isso. Vou colocar direto a cobertura. Para esta parte é só espalhar o molho de tomate, o queijo picado, o presunto e azeitonas. Ou o que você preferir :) Depois disso, a pizza só volta para o forno para derreter o queijo. Mais ou menos 8 minutos.

Ah! Pra quem ficou curioso, a cachaça na massa serve para deixá-la mais crocante. Funcionou, viu? Se não tiver, pode usar vinagre.

E assim ficou a minha belezinha. Juro pra vocês que ela estava mais bonita pessoalmente. Vale muito a pena tentar! Se vocês já experimentaram outras massas, conta para mim? Fiquei empolgada com a experiência.

Pizza caseira
Rende: 6 fatias
92 calorias por fatia

pizza caseira

Anúncios

9 comentários em “Pizza caseira

  1. su
    18 de novembro de 2013

    Sucesso total. delícia e a mais curtida do facebook. Congelei a massa crua mesmo, envolta em filme plástico. Quando fiz essa congelada, ficou menos crocante, mas mesmo assim deliciosa

  2. jessica
    25 de setembro de 2013

    adorei… amo pizza e é difícil resistir na reeducação alimentar, fazendo ela integral vai ficar maravilhosa e magrinha^^

  3. Priscila Ramos
    20 de setembro de 2013

    Vou fazer hj essa pizza.
    Depois conto o resultado.
    Bjinhos.

  4. Dani Kopsch
    18 de setembro de 2013

    Carol, rende 6 fatias por disco (para fome humana, hahaha). O segundo disco você pode congelar depois de pré assado, mas eu nunca tentei pra saber se continua ficando bom depois.

  5. Carol Campanhã Izatto
    17 de setembro de 2013

    Rende 6 fatias por disco ou 6 os dois discos? Ela está com uma cara maravilhosa. Já quero fazer! =)

  6. Dani Kopsch
    17 de setembro de 2013

    Arrasei, né Priscila ;)
    Beijo!

  7. Dani Kopsch
    17 de setembro de 2013

    Fernanda, a cachaça serve pra deixar mais crocante. Pode trocar por vinagre. Se não quiser usar nenhum dois dois, acho que não compromete, não. Vai fundo! :)

  8. priscila
    17 de setembro de 2013

    Profissa total hein Diva?!
    Bjinhos.

  9. Fernanda
    16 de setembro de 2013

    Posso fazer sem usar a cachaça?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 16 de setembro de 2013 por em até 100cal, Lanches, Prato principal e marcado , , , .
%d blogueiros gostam disto: